directobras blog logo directobras blog logo

Monção investe mais de 70 mil euros na recuperação de antigo balneário termal

No Quiosque do Directobras encontra noticias e curiosidades sobre a construção civil

Monção investe mais de 70 mil euros na recuperação de antigo balneário termal

03.Aug.2015

Monção investe mais de 70 mil euros na recuperação de antigo balneário termal


A Câmara Municipal de Monção anunciou a intenção de recuperar o antigo balneário termal, situado no Parque das Caldas, e encerrado desde 1998 pela Direcção Geral de Saúde, por falta de condições.
Representando um investimento superior a 70 mil euros a empreitada "visa consolidar a estrutura, garantindo a sua preservação futura e a memória colectiva do concelho, associada à vivência termal". A intervenção, com prazo de execução de 180 dias, incidirá "apenas" no exterior do edifício. A reconstrução interior "está dependente da utilização futura do imóvel". A autarquia ainda não definiu qual a funcionalidade do edifício uma vez que "qualquer projecto ou ideia esbarra na possibilidade de inundação de parte do edifício durante o inverno, face à proximidade do rio Minho".
Para o presidente da Câmara, Augusto de Oliveira Domingues, citado na nota enviada à imprensa, esta empreitada "tem como finalidade garantir a preservação futura de um edifício histórico, assegurando, dessa forma, a memória colectiva da localidade associada à vivência termal". O edifício data de 1801, funcionou sempre como balneário termal até finais do século passado, tendo sido substituído em 2001 com a abertura da nova unidade termal. Na zona envolvente do antigo balneário termal, junto ao rio Minho, para além da piscina municipal, estão ainda instalados o Hotel Termas de Monção, o novo edifício das termas, um parque de lazer com campos de ténis e relvado sintético, um parque radical e outro infantil.

Fonte: Câmara Municipal de Monção